---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Secretaria de Saúde

Farmácia Básica Municipal

Atualizado em 22/01/2020 às 11:22

Atualmente, o financiamento da Assistência Farmacêutica no SUS está organizado em três componentes. São eles: o Básico, o Estratégico e o Especializado da Assistência Farmacêutica.

 

Todos os medicamentos são fornecidos no âmbito do SUS (Sistema único de saúde) No Brasil, o SUS disponibiliza gratuitamente para a população uma Relação de Medicamentos Essenciais (Rename), onde os estados e municípios tem autonomia para definir sua própria lista de medicamentos (Remume). O Componente Básico destina-se à aquisição de medicamentos e insumos destinados aos agravos prioritários da Atenção Básica à Saúde, problemas mais frequentes e de maior relevância para a população. O medicamento elencado disponível para distribuição no município encontra-se disponível para consulta na remume. (link REMUME)

 

O Estratégico tem por objetivo disponibilizar medicamentos para o atendimento de Programas de Saúde coordenados nacionalmente pelo Ministério da Saúde, de caráter transmissível e/ou alto impacto na saúde da população. Fazem parte os medicamentos do Programa DST/Aids, para o controle da tuberculose, hanseníase, malária e outras endemias focais, bem como os imunobiológicos e insumos das coagulopatias e hemoderivados. O Ministério da Saúde é responsável pelo financiamento e aquisição destes medicamentos e sua dispensação é realizada pelas Secretarias Estaduais de SAÚDE.

(LINK CESAF)                                              

http://portalms.saude.gov.br/assistencia-farmaceutica/medicamentos-rename/cesaf

 

 

O Componente Especializado tem por objetivo garantir a integralidade do tratamento medicamentoso na forma de linhas de cuidado que estão definidas nos Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas publicadas pelo Ministério da Saúde. (LINK CEAF)

http://portalses.saude.sc.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=474%3Amedicamentos-padronizadossessc-&catid=505&Itemid=210

 

 

 

Como estratégia de ampliação do acesso aos medicamentos para as doenças mais prevalentes, o Ministério da Saúde instituiu em 2004, o “Programa Farmácia Popular do Brasil”, operacionalizado inicialmente por meio da rede própria da Farmácia Popular e posteriormente através da rede privada de farmácias e drogarias denominada “Aqui Tem Farmácia Popular”.

Lista de medicamentos disponíveis pelo programa:

(LINK)

http://portalms.saude.gov.br/acoes-e-programas/farmacia-popular/farmacias-credenciadas

 

Medicamentos judiciais: São fornecidos medicamentos destinados ao tratamento de doença rara ou de baixa prevalência com indicação de uso de medicamento de alto valor unitário ou que em caso de uso crônico ou prolongado seja um tratamento de custo elevado. 

 

 

Controle de abertura de processos de medicamentos judiciais no município de Ilhota

DATA

MEDICAMENTO

22/02/18

Enoxparina

22/02/18

Rivaroxabana

26/03/18

Aripiprazol

09/04/18

Mesalazina

09/04/18

Rivaroxabana

09/04/18

Alimento completo sem lactose oral ou enteral

09/04/18

Duloxetina